sábado, 6 de novembro de 2010

Documentação

Quem vai viajar pela América do Sul é mais simples do que se pensa. Não se precisa de nada ou quase nada apenas o RG.
Epa! Peraí! Só se vc for visitar países que fazem parte do acordo do mercosul e se seu RG tem menos de 10 anos.
E pra variar essa facilidade não é meu caso hehe (fala sério! eu vivo nas excessões... que merda!)Já que a titia aki já tá pra lá de balzaca...
Os países que tem o bendito tratado são:
"A República Argentina, a República Federativa do Brasil, a República do Paraguai e a República Oriental do Uruguai, na qualidade de Estados Partes do MERCOSUL, e a República da Bolívia, a República do Chile, a República da Colômbia, a República do Equador, a República do Peru e a República Bolivariana da Venezuela, partes do presente do acordo."
Então, pé na estrada! precisamos aproveitar e conhecer nossa América. É muito mais barato viajar pras terras dos hermanos que viajar pro nordeste brasileiro. É ridículo mas é verdade.
Ano passado fui pra Fortaleza duas vezes (ameiiiii!!!! que lugar maravilhoso!) e fiquei 9 dias e esse ano vou fazer um roteiro surreal Chile e Argentina durante 28/30 dias e vai me custar mais ou menos 4 x mais o valor que paguei pro nordeste.
O Brasil tem umas coisas inacreditáveis. Valores inviáveis que acabam fazendo com que as pessoas não conheçam seu próprio país.
Fazer o quê?
Viva o acordo do Mercosul!

4 comentários:

Carla e Élio disse...

Oi Fá!
Verdade! Eu estava olhando passagens para o Carnaval 2011 e sai mais barato ir a Córdoba que a Fortaleza! ABSURDO!
Sobre o RG, o meu fez 10 anos agora em setembro e mais que depressa já tirei outro, agora com o nome de casada! hehehehehe
Lembrando que para ir pra Bolivia, além do RG tem que ter a carteirinha de vacinação contra febre amarela!
bjs amiga!!!!

Paula disse...

Oi Fa,
Obrigada pela visita ao meu blog. Quanto viajar com RG, só lembrando que carteira de motorista não serve, nem carteira de identidade fornecida por conselhos regionas (crea, etc).
Bjs,
Paula

Les Mogentale disse...

Oi Fá!
Só uma observaçãozinha que ninguém comenta: tudo bem que nesses casos não é necessário o passaporte, mas na hora em que vc precisar trocar grana numa casa de câmbio ou num banco, vai precisar, sim, dele. Eu não tenho 100% de certeza, mas acho que é assim.

Fa disse...

É mesmo?
Não tinha a menor noção disso.
Bem legal sua dica!
Obrigada.
Vou até dar uma pesquisada.
Mto obrigada mais uma vez.
Vlw!